O que é e como aplicar a técnica dos 5 porquês na empresa?

Quem já sofreu com um problema recorrente em algum dos processos ou produtos da empresa sabe o quanto é difícil encontrar sua verdadeira causa, não é mesmo? Muitas vezes, só conseguimos enxergar os sintomas, mas não a causa-chave, aquela que, se sanada, resolverá a questão de uma vez por todas. Mas a boa notícia em meio a esse cenário nada favorável é que existe uma técnica bastante simples que pode ser utilizada por qualquer empresa, de qualquer ramo ou porte, que esteja envolvida em um problema aparentemente sem solução: é a técnica dos 5 porquês. Quer saber o que é e como aplicá-la? Então confira:

No que consiste a técnica dos 5 porquês?

A técnica dos 5 porquês surgiu em meados da década de 70 no Japão. Criado pela Toyota na busca pela qualidade plena de seus processos, o método consiste em, após definido exatamente o problema, questionar o porquê por cinco vezes, até que se encontre sua verdadeira causa.

Suponhamos que o problema seja que os produtos têm sido entregues sistematicamente com atraso. Aí seguem os porquês:

  1. Por que os produtos têm sido entregues sistematicamente com atraso? Porque foram postados com atraso.
  2. Por que os produtos foram postados com atraso? Porque o prazo de produção estourou.
  3. Por que o prazo de produção estourou? Porque os materiais para a confecção não estavam disponíveis.
  4. Por que os materiais não estavam disponíveis? Porque não foram solicitados a tempo ao fornecedor.
  5. Por que os materiais não foram solicitados a tempo ao fornecedor? Porque o controle de estoque não acompanhou o aumento da demanda pelo material.

Observe que, após a aplicação da técnica dos 5 porquês, detectou-se a falha principal: o gerenciamento ineficiente do estoque. Assim, o que a princípio parecia ser um problema de terceiros, relacionado a entrega e fornecedor, acabou surgindo como uma falha interna após um questionamento um pouco mais aprofundado. O atraso, portanto, é apenas um sintoma de um problema maior, que agora pode ser devidamente solucionado.

Quais as vantagens do uso dessa técnica?

Apesar de não substituir uma análise de qualidade mais detalhada, a técnica dos 5 porquês tem a vantagem de ser bastante simples, podendo ser aplicada a qualquer momento, sem a exigência, por exemplo, de análises estatísticas apuradas ou consultorias técnicas especializadas. Assim, o método pode ser aplicado pela própria equipe responsável pelo processo, sempre gerando resultados surpreendentes.

Como aplicar o método na empresa?

Antes de mais nada, para que a técnica dos 5 porquês seja usada de forma efetiva na resolução dos problemas da empresa, é importante reunir toda a equipe envolvida no processo. Pense que o responsável por cada etapa pode ter uma visão diferente dos demais, de modo que suas experiências e pontos de vista enriquecerão os resultados.

Reunida a equipe, é hora de partir para a exata definição do problema que precisa ser resolvido. Aí entram os porquês, que devem ser respondidos como em uma sessão de brainstorm. Nessa etapa, é essencial que cada membro da equipe possa falar livremente até que a equipe defina, de forma coletiva, se aquela resposta é válida ou não. Responderam aos 5 porquês? Se a causa-chave foi encontrada, só falta então definir medidas para sanar definitivamente o problema!

A técnica serve para qualquer tipo de problema?

Na verdade, essa técnica funciona extremamente bem para problemas mais simples, com causas diretas. Assim, problemas mais complexos, com múltiplas causas e variáveis, podem exigir soluções e técnicas também mais complexas.

Viu como o método é simples e, o melhor de tudo, eficaz? Ficou ainda com alguma dúvida quanto à sua implementação? Comente aqui e compartilhe seus questionamentos conosco! E não se esqueça de acompanhar nosso blog para aprender cada vez mais sobre essa e várias outras estratégias! E por último, mas definitivamente não menos importante, cheque as ferramentas do nosso software, que facilita não só a elaboração dessa técnica como também o desenvolvimento do PDCA e do Diagrama de Ishikawa!

Teste grátis a ferramenta para gestão da qualidade Qualyteam

36 comentários sobre “O que é e como aplicar a técnica dos 5 porquês na empresa?

  1. Sempre olhei com muita desconfiança esta técnica dos 5 porquês?
    Pode ser que a verdadeira causa raiz, ou causa chave, como preferir. já seja encontrada na segunda ou terceira pergunta, mas ao continuar a té a quinta pergunta tenhamos nos desfocado da verdadeira causa.
    Também pode acontecer que dependendo da complexidade do processo mesmo a quinta pergunta não leve a causa raiz, aí pode ser que nunca tenhamos certeza de qual causa atacar.

    • Olá, Cinthia.
      Em relação ao seu questionamento, inicialmente você pode aplicar o Diagrama de Ishikawa (Causa e Efeito) para identificar e avaliar as possíveis causas e seus efeitos, é uma ferramenta fácil e permite o agrupamento e visualização de várias causas de um problema. Posteriormente, você “examina” as causas identificadas através da técnica dos 5 porques.
      Espero ter ajudado.
      Continue acompanhando nossos conteúdos!

  2. Pessoal,
    Vi que alguns colegas mencionaram alguns questionamentos em relação ao número de “porques” na análise.
    Não há obrigatoriedade, na prática, que exploremos os 5 porques, desde que, consigamos de fato, chegar na causa fundamental. E é exatamente nesse ponto, onde vejo que muitos sentem dúvidas.
    Sabemos, em 90% dos casos, que uma análise chegou na causa fundamental, quando a mesma em sua causa mais externa, remete a problemas de rotina (Cumprimentos de padrões, criação de padrões, treinamento, definição de responsabilidades). Os outros 10% são associados a problemas de projetos de equipamentos, infra-estrutura e outros.

  3. Boa tarde,
    Sou Analista de Qualidade em uma empresa em BH (Minas Gerais) e tomamos uma NC porque a Auditora disse que a análise da Causa Raiz estava superficial demais. A NC é a seguinte: “”EVIDENCIADO TRATAMENTO NÃO ADEQUADO DAS NCs CONSTATADAS NA AUDITORIA INTERNA COM DETERMINAÇÃO DA CAUSA LIGADA MAIS AS CORREÇÕES.
    (TRATAMENTO FEITO SEM A DEFINIÇÃO DE CAUSA COM AÇÕES SOMENTE DE CORREÇÃO)”

    Não estou sabendo fazer o estudo de causa com os 5 porquês nesse caso, poderiam me ajudar ?
    Att.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.