Desperdício na construção civil é um dos mais sérios redutores da produtividade

Estudo mostra como evitar desperdício na construção civil

(Fonte: Newsletter Semanal do Sistema FIESC   |   nº 211   |   13.04  até  20.04.2011)
Descuidos como excesso de concreto nas vigas ou desperdício de recursos representa um acréscimo de cerca de 30% nos custos das construções e aumenta de 11% a 20% o volume de materiais. Por isso, as empresas de construção civil buscam cada vez mais aumentar a sustentabilidade nas obras.

Desperdício de recursos representa um acréscimo de cerca 30% nos custos

O tema foi objeto de artigo apresentado por aluno e docente do SENAI/SC  Roberto Hoeltgebaum em parceria com seu orientador, Dr. Joel Dias da Silva, na última edição no Simpósio Ítalo-Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental.
A pesquisa apontou que diversas indústrias do setor tem como oportunidades de melhoria a adoção de metodologia para reutilização ou reciclagem de resíduos das construções. Em muitos casos, também é pequeno o conhecimento sobre as normas técnicas de gestão de resíduos (NBR 15112 a 15116), que poderia minimizar a geração de material residual.
“São várias as causas relacionadas às perdas de materiais. Mas, principalmente, a falta de conscientização e comprometimento dos profissionais envolvidos, desde a fase de planejamento até a execução do projeto”, explica Roberto Hoeltgebaum. Segundo ele, que analisou as práticas de cinco construtoras do município de Blumenau, os materiais que são mais desperdiçados são argamassas de reboco (principalmente durante o sarrafeamento), concreto usinado (durante bombeamento para as lages), blocos de concreto (por descuidos no carregamento) e gesso acartonado (devido a armazenamento disperso).
Na publicação, os autores afirmam que o “desperdício na construção civil é um dos mais sérios redutores da produtividade e causa aumento do ônus da obra. E, evidentemente, causador de impactos ocasionados pelo desperdício de materiais e má gestão dos recursos da construção”.
Na opinião de Hoeltgebaum, os resultados obtidos em seu estudo evidenciaram a necessidade das construtoras adotarem melhorias na gestão dos processos, dos projetos e adoção de medidas de correção em cada fase. E, para o gestor ambiental, a solução também passa por medidas como treinamento e conscientização ambiental dos trabalhadores e busca da qualidade no monitoramento das operações.
Veja também: Programa orienta empresas a identificar e eliminar desperdícios através da gestão da qualidade
 
PBQP-convite-email
Aproveito para convidar as construtoras de Balneário Camboriú e região para conhecer o Programa Qualidade & Gestão exclusivo para a construção civil que assegura às empresas participantes a certificação do PBQP-H no nível A.
Destinado a pequenas e médias construtoras, o programa tem como foco a reorganização das empresas e a redução de desperdícios. As empresas participantes terão também suporte técnico gratuito até seis meses após a certificação.
Programa  orienta empresas a identificar e eliminar desperdícios através da gestão da qualidade. 
Quando: 07/03
Horário: 19h às 20h
Para visualizar o convite, clique na imagem ao lado.

Teste grátis a ferramenta para gestão da qualidade Qualyteam

Um comentário sobre “Desperdício na construção civil é um dos mais sérios redutores da produtividade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share via
Copy link
Powered by Social Snap