A economia motivada pelas Redes Sociais

A internet mudou a forma como nos relacionamos com as pessoas e com o mundo. Isso não é novidade para quem lê este post, no entanto, assim como encurta distância e reduz barreiras em relação a língua (tradutores automáticos),  aproxima pessoas independente do estado, país ou continente.
No entanto, estamos apenas no inicio de uma  revolução significativa na forma como a informação está sendo difundida e absorvida. A comunicação que antes era unilateral, de caráter passivo, hoje é interativa. Com velocidade crescente, as redes sociais disseminam informação, notícias, fatos e acontecimentos quase em tempo real, produzem conteúdo e geram opiniões de toda ordem, seja social, política, econômica, religiosa, cultural,  etc., conteúdo que muitas vezes deixa exposto à rede informações extremamente relevantes, principalmente ao mercado. Enquanto cada um compartilha interesses, ideias e experiências, o mercado aproveita a oportunidade para conhecer o perfil dos consumidores e elaborar estratégias para atender ou criar necessidades de compras ou serviços.
Especuladores fazem menção às Mídias Sociais como maior programa de referência na história, popularmente conhecido como ‘boca-a-boca’, fortalece a compra por recomendação e avaliação dos próprios consumidores e enfraquecem a influência de compra apenas pelo marketing elaborado.

(…) fortalece a compra por recomendação e avaliação dos próprios consumidores.

Grandes corporações e  também pequenas empresas compreenderam que estão em uma economia de pessoas motivadas pela rede. Usam as mídias sociais para alavancar suas estratégias comerciais e até como fonte de informação na contratação de novos funcionários. Vasculham as informações contidas em um perfil de facebook por exemplo, que dependendo dos interesses ou comunidades seguidas,  podem ser determinantes para a rejeição do candidato à vaga de emprego.
Usar a mídia social em próprio favor e de forma ética é o grande desafio das empresa. Utilizada com responsabilidade, pode melhorar o ambiente de negócio, favorecendo a produção de conteúdo e a propagação do conhecimento, também dentro da própria organização.
No que se refere aos clientes, a mídia social que conecta pessoas e empresas, pode ser uma valiosa ferramenta de networking positiva para o negócio.

Teste grátis a ferramenta para gestão da qualidade Qualyteam

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.